O Mandato Goura promove, neste sábado (8), um debate público sobre a descriminalização do aborto no Brasil, no Prédio Histórico da UFPR, Sala 200, na Praça Santos Andrade, a partir das 9 horas.

“Os números relacionados aos abortos clandestinos no país são alarmantes. São mais de 1 milhão por ano e, a cada dois dias, uma mulher morre vítima de complicações de aborto inseguro no Brasil”, alerta o vereador Goura. Ele também informa que são 250 mil internações no SUS e R$ 486 milhões de gastos na última década por causa de complicações pós-aborto.

“É muito grave toda esta situação. E não podemos nos omitir em discutir esta questão. Temos que lembrar que uma em cada cinco mulheres até os 40 anos já abortaram no país, segundo a Pesquisa Nacional do Aborto, desenvolvida pelo Instituto de Bioética”, informa Goura.

No Brasil, o aborto é permitido somente em gravidez resultante de estupro, em caso de risco para a gestante e anencefalia fetal. As maiores vítimas são mulheres negras e pobres que têm poucos recursos para realizar um aborto seguro e são obrigadas a métodos arriscados.

 

PARTICIPANTES CONFIRMADOS:

Sandra Lia Barwinski – Advogada, presidente da CEVIGE-OAB/PR e integrante do CLADEM/Brasil.

Dr. Rosires Pereira de Andrade – Prof. Titular de Reprodução Humana e Coordenador da Atenção às Vítimas de Violência Sexual do Complexo HC da UFPR.

Emanuella Denora – Advogada; mestra em Ciência Jurídica; autora do livro u(Re)Apropriando-se de Seus Corpos. Pesquisadora em Feminismo(s) e Direito.

Debora Anhaia – Médica da saúde da família com especialização em Atenção Básica; integrante do programa Mais Médicos, e da Rede Feminista de Saúde.

Goura (mediador) – Mestre em filosofia; professor de ioga; vereador de Curitiba, eleito deputado estadual pelo PDT-PR.

INSCRIÇÕES:

Inscreva-se aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here