PDT deve priorizar eleições municipais de 2020, diz Goura em reunião com o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi

O deputado Goura destacou, na reunião da Executiva Estadual do PDT do Paraná (PDT-PR), realizada, nesta segunda-feira (16), em Curitiba, e que contou com a presença do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, que o partido deve trabalhar com prioridade na construção de chapas de vereadores com militantes comprometidos com os princípios partidários levando em conta as necessidades e as realidades locais.

“O PDT do Paraná está em um processo de renovação e as eleições municipais de 2020 devem ser prioridade para consolidar a construção de um partido forte e com representação efetiva em todos os municípios do estado. Somos um partido com perfil de centro esquerda e temos que ter pessoas comprometidas com essa ideologia disputando as eleições”, disse Goura.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para o presidente nacional do PDT, o partido terá que conciliar as questões ideológicas e as eleitorais para obter sucesso nas eleições municipais. “O deputado Goura, esta nova liderança do Paraná, que tem destaque nacional, coloca muito bem esta questão das eleições municipais para o PDT. Vamos priorizar as capitais e as grandes cidades do país, mas não podemos esquecer que é fundamental trabalhar em todos os municípios para eleger vereadores e prefeitos qualificados”, disse Lupi.

A reunião da Executiva Estadual também contou com a presença do deputado federal Gustavo Fruet, dos deputados estaduais do PDT, Nelson Luersen e Marcio Pacheco, do vice-presidente Nelton Friedrich e do secretário-geral Valmor Stédile.

Lançamento de livro

À noite, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba (SMC), Lupi fez o lançamento do livro “Um golpe contra os trabalhadores”, que tem prefácio de Ciro Gomes, e é uma denúncia contra o desmonte do Ministério do Trabalho e a supressão das conquistas trabalhistas iniciada no governo Michel Temer e aprofundadas na gestão atual de Jair Bolsonaro.

“Este livro é uma homenagem aos trabalhadores, a Getúlio Vargas, a João Goulart, a Brizola e ao Trabalhismo. Um livro que faz a denúncia da supressão dos direitos dos trabalhadores desde o golpe que colocou Temer no poder até os dias de hoje, quando vemos Bolsonaro destruir as conquistas de direitos feitas pelo trabalhismo”, disse Lupi.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Além da presença do deputado Goura, que fez uma fala destacando a importância do tema abordado no livro, também estiveram presentes no evento o ex-senador Roberto Requião; o do vice-presidente do PDT e ex-deputado federal Nelton Friedrich, o presidente estadual do PDT André Menegotto.