Programa Itaperuçu Sustentável vai transformar economia do município de forma ecológica

Fomentar a economia de forma ecológica com base no cicloturismo, agroecologia e gestão de resíduos é o objetivo do programa Itaperuçu Sustentável lançado, neste sábado (23), em Itaperuçu, e que tem como uma das metas transformar o município no primeiro com gestão Lixo Zero da Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

O evento de lançamento do programa, realizado pela Prefeitura Municipal, com apoio do Mandato Goura, contou com feira de produtos agroecológicos do Vale do Açungui, Câmbio Verde – troca de recicláveis, roda de consumo consciente, Mandala Espiral Semente, pedalada pelo centro da cidade, plantio de árvores e flores e com várias apresentações culturais de artistas locais.

Confira o folder do programa clicando na imagem abaixo:

Cicloturismo

Localizado a 32 quilômetros da capital paranaense, o município de Itaperuçu conta com grande potencial para a prática de turismo ecológico, o que motivou a criação de uma rota de cicloturismo, modalidade que incentiva a prática saudável, econômica e ecológica de fazer turismo.

Com pouco mais de 21 quilômetros, a rota conta com vários atrativos naturais que vão desde o Morro da Glória, na região das Pombas, passando por cachoeiras, travessia de rios, fontes do Divino e da Misericórdia, até propriedades agroecológicas.

“O cicloturismo vai movimentar a região, então é importante que as propriedades rurais já comecem a se preparar com restaurantes, pontos de apoio, caldo de cana, para que as pessoas possam conhecer as propriedades e fazer compras na região, fazendo com que a cidade se desenvolva de forma sustentável”, afirmou o deputado estadual Goura (PDT) parceiro no desenvolvimento do Itaperuçu Sustentável.

Agroecologia

Além do turismo sustentável, o programa incentiva a produção agroecológica no município com apoio aos produtores da região para a transição agroecológica. O objetivo é fazer com que os agricultores tenham mais renda e mais saúde e que todos os consumidores sejam beneficiados através da produção de alimentos saudáveis.

Para que esse objetivo seja alcançado, Goura ressaltou a importância de uma política de apoio aos agricultores tanto na assistência técnica para a produção de orgânicos, quanto no escoamento da produção e na garantia de venda para o programa de alimentação escolar.

“O governador assinou recentemente o decreto que estabelece que até 2030 a merenda escolar servida na rede pública estadual seja 100% orgânica. Por isso é preciso uma política de apoio completa para o agricultor para que ele possa fazer essa transição”, disse.

 Lixo Zero

Com quase 27 mil habitantes, o município de Itaperuçu produz 10 toneladas de lixo diariamente. A proposta, que se inicia com a implantação da coleta seletiva, é desenvolver um conjunto de ações e atividades que incentivem a redução de resíduos sólidos urbanos, bem como a sua utilização como recursos para cadeia produtiva.

“A meta é transformar Itaperuçu no primeiro município lixo zero da Região Metropolitana de Curitiba”, ressaltou Goura ao citar o exemplo do município de Chapecó, no Oeste Catarinense, que também já estabeleceu essa meta e vem trabalhando para alcançá-la.

Este slideshow necessita de JavaScript.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here